Os últimos dias têm sido esgotantes daí uma certa ausência por aqui. E atenção que esgotante não significa algo de negativo, muito pelo contrário. Acima de tudo estou feliz e sinto-me agradecida por ver muita coisa a acontecer na recta final do ano a nível profissional, embora seja cada vez mais complicado de gerir a balança e manter o meu equilíbrio – a peça fundamental para que tudo dê certo, não é verdade?

E com uma rotina atribulada foi precisamente no ginásio que a dita balança cedeu… infelizmente. As desculpas são muitas: ora porque me sinto exausta (e na verdade sinto-me mesmo e não consigo treinar assim), porque o tempo não estica ou até porque as minhas incentivadoras de serviço (as minhas colegas que todos os dias me acompanham ao ginásio e puxam por mim) também estão como eu.

Ainda assim podia ser pior, tenho treinado todas as semanas, embora sem a motivação de outros tempos e isso entristece-me, precisamente porque sei a importância que o exercício tem na minha vida e como me faz sentir bem. Na segunda-feira à noite enquanto trabalhava e elaborava a minha to do list de Outubro apercebi-me de que algo tinha que mudar e que precisava de entrar nos eixos, deixar-me de queixas e organizar a minha vida. Caramba, isto depende única e exclusivamente de mim.

Ontem regressei ao Hotpod Yoga, hoje fui ao Total Condicionamento no meu Holmes Place. E devagarinho espero voltar á minha motivação habitual. Alguns pontos para ter em mente até ao final do ano – partilho-os convosco numa espécie de compromisso, quem sabe a motivar-vos também a manterem-se focados, activos e a não deixarem que vida vos desvie da vossa motivação.

#1 Agenda em dia

Incluí na minha agenda (por entre reuniões de trabalho e compromissos do blog) todas as minhas aulas favoritas do Holmes Place e respectivos horários: MIB, X-Celerate, Total Condicionamento. Quando a motivação não anda em altas, é nas aulas que eu me foco, precisamente por contar com a ajuda dos professores que parecendo que não puxam muito mais por mim do que fazendo exercícios sozinha nas máquinas. Sei que não resulta com todos mas comigo é bastante eficaz.

 

#2 Preparação de véspera

Com a agenda organizada, sei que na véspera é essencial deixar o saco pronto com tudo aquilo que preciso. Para além disso é super importante dormir pelo menos 8 horas de forma a acordar fresca e pronta para agarrar o dia, sobretudo se quiser treinar de manhã.

 

#3 por semana

Pelo menos 3 vezes é o meu compromisso + uma aula de yoga para manter o equílibrio. E mesmo nos dias mais apertados, tentar fazer nem que sejam meia hora de cardio que tanto pode ser no ginásio como na rua fazendo uma caminhada. Pensem, interessa é mexer!

 

#4 Cuidar por dentro

Aqui felizmente tenho-me mantido fiel ao meu plano alimentar. Comer bem, se for preciso acrescentar alguns suplementos essenciais por esta altura do ano mas acima de tudo hidratar, ou seja muita água, 2 litros para ser mais precisa. Na correria da dia-a-dia muitas vezes deixamos a água para segundo plano – falo por mim que por vezes esqueço-me apesar de estar muito melhor nesse assunto do que há uns anos atrás em que bebia zero água. O segredo passa por beber dois grandes copos de água logo de manhã – um em jejum com uns pingos de limão (aquele clássico) e outro antes de sair de casa. Na mala levar uma garrafa para ir bebericando até chegar ao trabalho. O resto do dia é ter a água sempre por perto da secretária.

 

Como sempre ouvir dizer (e com muita razão), com esforço e empenho tudo se consegue.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*